Nº de Brotinhos Visitantes

segunda-feira, 10 de setembro de 2012

ESTÚPIDO CUPIDO - A NOVELA

Estúpido Cupido foi uma telenovela brasileira produzida e exibida no Brasil no horário das 19 horas pela Rede Globo entre 1976 e 1977, contou com 160 capítulos. Foi escrita por Mário Prata e dirigida por Régis Cardoso.
As músicas e os figurinos eram ambientados nos anos 60. Foi a última novela da Rede Globo produzida a preto-e-branco - ressalvando-se que o seu último capítulo foi gravado a cores sem que os atores soubessem disso, pois era desejada a surpresa de que a emissora já estava com a totalidade das suas câmaras a cores.
 A música de abertura, Estúpido Cupido, era interpretada por Celly Campello.




Os famosos anos dourados, retornavam ainda em preto e branco, às 19h, na tela da Globo em pleno 1976. Foi através da novela “Estúpido Cupido”, uma historia que conquistou a todos naquele ano. A novela de Mário Prata, com direção de Regis Cardoso, estreou em exatos 25 de agosto de 1976, ficando no ar até 28 de fevereiro de 1977, num total de 160 capítulos.

 
Os atores Françoise Forton e Ricardo Blat, protagonizaram a novela que virou febre naquela época. Muitos foram os destaques dessa historia que e é lembrada com ternura, até hoje. “Estúpido Cupido” retratou com maestria os famosos bailes de formatura, as festinhas nas casas dos amigos, a moda e as artes daquela época, os costumes e hábitos de uma geração. O mais incrível era que a novela se passava no inicio dos anos de 1960, apenas 15 anos antes de sua produção, comprovando como a década de 1970 foi totalmente diferente da década anterior.

2 comentários: